quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

AERONAUTAS EM ESTADO DE GREVE

Categoria decidiu por indicativo de greve para 13 de dezembro. SNA segue na luta por aumento real, ao lado dos sindicatos cutistas de aeroviários, nas negociações com as aéreas

Em assembleia realizada na teerça-feira (4/12), nas sedes do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), os trabalhadores decidiram pelo início do estado de greve a partir da meia noite.

Os aeronautas também decidiram por indicativo de greve no dia 13 de dezembro. A categoria luta por aumento real nos salários, mas as empresas aéreas oferecem índices escalonados menores que a inflação e até mesmo reajuste zero, conforme a faixa salarial.

Pilotos e comissários avaliam que as empresas estão desorganizadas para atender a demanda na alta temporada e que os trabalhadores estão sobrecarregados e no limite de suas capacidades. O quadro piorou com as demissões em massa ocorridas no setor aéreo, e os aeronautas vem sofrendo com a ampliação da fadiga e das doenças ocupacionais, o que afeta a segurança operacional.

A redução de quatro para três comissários nas aeronaves com até 150 assentos, prejudicando a segurança de voo e o atendimento a passageiros e tripulantes, é outro fator que contribuiu para a decisão dos aeronautas pelo indicativo de greve. Apesar dos inúmeros apelos do Sindicato junto à Anac e às companhias, a medida que permitiu a redução não foi revertida pela Agência e centenas de postos de trabalho foram perdidos neste ano.

Na avaliação dos aeronautas, mesmo que a greve seja revertida, há grande chance de o transporte aéreo passar por um novo caos este ano, devido à troca constante das escalas de voo, à falta de tripulantes e à sobrecarga de trabalho, que afeta também os aeroviários.

Nesta quarta-feira (5/12), há nova rodada de negociação entre o SNA, os sindicatos cutistas de aeroviários, a Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil (Fentac/CUT) e as empresas aéreas. A reunião será realizada no Rio de Janeiro, às 11 horas, na sede do Sindicato Nacional das Empresas Aéreas (SNEA).

fonte/SNA

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...