quarta-feira, 5 de outubro de 2016

CINCO MIL PESSOAS LANÇAM CAOS NO AEROPORTO DE STANSTED

Mais de cinco mil passageiros desesperados para passarem o controlo de passaportes, cerca da meia noite desta segunda-feira, lançaram o caos no Aeroporto de Stansted, em Londres.
 
Segundo a edição desta terça-feira do "Daily Mail", os passageiros que tentavam entrar na capital britânica viveram momentos de desespero, com crianças a chorar, ânimos exaltados e até algumas cenas de violência, devido à longa espera.

Alguns passageiros deram conta nas redes sociais do caos que se viveu nas chegadas daquele que o aeroporto mais movimentado do Reino Unido (17,5 milhões de passageiros por ano), devido ao grande volume de chegadas de voos "low cost".

Hannah Wright partilhou no Twitter a sua revolta por, depois de um voo atrasado, ter sido obrigada a enfrentar "filas terríveis" no controlo de fronteiras, o que a fez perder o último serviço de Stansted Express. "Devem-me um bilhete de comboio de regresso não utilizado devido à terrível gestão de filas, que me fez perder a última ligação para Londres", escreveu.

Outro viajante escreveu na mesma rede social: "Quando o final das suas férias se transforma em porcaria porque em Stansted Airport são incapazes de funcionar de forma eficiente".

Os registos mostram que mais de 40 voos aterraram entre 22 horas e a meia-noite em Stansted na noite de segunda-feira, sendo a maioria operados pela EasyJet e Ryanair, companhias de baixo custo. Os próprios funcionários do aeroporto confirmam que as noites de segunda-feira são dos períodos mais movimentados, devido ao regresso de muita gente que aproveitou os preços "low cost" para passar o fim de semana fora.

Segundo o "Daily Mail", aos passageiros está a ser oferecida a possibilidade da cobrança de uma taxa de 17,50 libras (cerca de 20 euros) para evitar longas filas no aeroporto em pontos de controlo de passaporte.

Já no verão, registraram-se longas esperas no controlo de passaportes em outros aeroportos do Reino Unido, com algumas filas de 600 pessoas em Manchester, em agosto. Os passageiros queixaram-se então de esperas superiores a hora e meia.

fonte/JN.pt

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...