Pular para o conteúdo principal

VÂNDALOS FURAM PNEUS DE 87 AVIÕES EM AEROPORTO NO ALASCA


Prejuízo no Alasca: os pneus danificados custam mais de US$ 2.000 (GoFundMe)
Prejuízo no Alasca: os pneus danificados custam mais de US$ 2.000 (GoFundMe)

Um estranho crime contra aeronaves foi registrado no Alasca. Na noite do dia 1 de junho, o aeródromo de Merril, em Anchorange, foi invadido e 87 aviões tiveram seus pneus furados. Segundo a rede Fox, a polícia local ainda investiga a ação, caracterizada como “vandalismo”.

De acordo com as autoridades, as aeronaves danificadas são monomotores de pequeno porte. Esses aparelhos são essenciais para alcançar regiões isoladas no Alasca, onde modelos maiores ou a jato não conseguem pousar. No aeródromo onde ocorreu o crime existem quase 900 aviões desse tipo estacionados.

E os vândalos deixaram um grande prejuízo. Algumas das aeronaves danificadas possuíam pneus avaliados em mais de US$ 2.000 (cerca de R$ 7.000). Para colocar a frota de volta aos céus rapidamente um individuo chamado Chris Palmer organizou uma “vaquinha on-line”.

“Os pneus para essas aeronaves podem custar milhares de dólares. Para alguns pilotos, foi algo muito difícil de engolir”, escreveu Palmer, em seu apelo no site de crowdfunding GOFUNDME.

fonte/foto/GoFundMe/UOL

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas