Pular para o conteúdo principal

SEGUNDO PROTÓTIPO DO EV-55 OUTBACK LEVANTA VOO E CERTIFICAÇÃO FICA MAIS PRÓXIMA


Foi no principio deste mês que o EV-55 Outback, com o número de série 0003, registado como OK-DRM, levantou voo do Aeroporto de Kunovice (IATA: UHE – ICAO: LKKU) para um voo de cerca de vinte minutos que serviu para testar os seus principais sistemas e características de desenho em voo.

A aeronave foi pilotada pelos pilotos de testes da Evektor Josef Charvát e Pavel Křížka.
Até ao final deste mês de Abril  o sn 0003 juntar-se-á ao primeiro protótipo,  sn 0001 nos voos de teste com vista ao processo de certificação EASA CS-23, na categoria normal de transporte comercial, uma certificação que cobre testes de sistemas, performance e características de voo.

O primeiro protótipo já conta com 370 horas de voo até ao dia de hoje, e está neste momento a submeter-se a a testes de calibração de voo, e testes de stress de sistemas em voo. O segundo protótipo EV-55 S/N 0002 nunca chegou a voar, e foi usado em testes de stress em solo.


Sobre o EV-55 Outback
O EV-55 Outback é um bi-turbo capaz de transportar até nove passageiros ou carga. A excelente produtividade do EV-55 é proporcionada pela espaçosa cabina com um volume total de 12,5 m3 e por uma velocidade de cruzeiro alta de 220 nós. O avião é capaz ainda de operar em pistas curtas construídas em altitude.

ev-55-outback-3
ev-55-outback-1 ev-55-outback-2 fonte/foto/NewsAvia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA