Pular para o conteúdo principal

EMBRAER APRESENTA NOVO JATO COMERCIAL E190-E2


Jato E-190-E2. Foto: Divulgação Jato E-190-E2. Foto: Divulgação

A Embraer apresenta amanhã em São José dos Campos o seu novo jato comercial, o E-190-E2. O modelo faz parte da nova família de jatos comerciais da terceira maior fabricante de aviões do mundo. As outras aeronaves são o E-195-E2 e o E-175-E2. Com os três novos jatos, a empresa espera atingir novo patamar na avião comercial.

Essa família de aviões, segundo a empresa, vai atender o mercado de aeronaves entre 80 e 130 assentos, conhecido também como aviação regional. Estudos da Embraer apontam que o mercado global para essa categoria de aeronaves deve movimentar USD 300 bilhões, com demanda para até 6.350 jatos novos.

O objetivo é manter a empresa (e o Brasil) entre os três maiores fabricantes do mundo, e diminuir a distância entre as gigantes Boeing e Airbus. O projeto, avaliado em quase US$ 1.7 bilhão, chega como resposta para os novos entrantes da China, Japão e Russia, além do Canadá, tradicional rival do Brasil no segmento. Esse é um típico cenário de "do-or-die battle" e o recente movimento do mercado tem apontado o favorito para essa corrida.
Atualmente, a Embraer é a empresa líder do mercado de aviões comerciais de até 130 assentos. Na China, por exemplo, a Embraer detém 80% de participação de mercado de aviação regional, mas a maior demanda continua vindo do mercado norte-americano.

fonte/foto/OVale

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA