COPILOTO COMANDAVA AVIÃO DA AIRASIA NO MOMENTO DA QUEDA

A comissão da Indonésia que investiga as causas do acidente da Air Asia que matou 162 pessoas há um mês informou em entrevista coletiva nesta quinta-feira (29) que pouco antes da queda o avião tinha perfeitas condições de voo. Segundo a comissão, os tripulantes da aeronave eram aptos e certificados para comandar o Airbus A320.

Mardjono Siswosuwarno, chefe da equipe de investigação, ressaltou também que as gravações encontradas nas caixas-pretas revelaram informações importantes sobre o que aconteceu nos momentos que antecederam o acidente, como por exemplo, de que o copiloto estava no comando do avião na hora do choque com a água.

As revelações foram feitas com base em um relatório preliminar, já que os trabalhos devem ser finalizados em seis meses. Anteriormente, a investigação já havia apontado que a aeronave subiu abruptamente de sua altura de cruzeiro e depois parou antes de mergulhar no Mar de Java.

O voo QZ8501, que deveria cobrir um curto trajeto entre a cidade de Surabaya e Cingapura, caiu no mar durante uma tempestade no dia 28 de dezembro do ano passado. Das 162 pessoas a bordo, apenas 70 corpos puderam ser recuperados; os mergulhadores não foram capazes de encontrar nenhum outro cadáver nos últimos dois dias.

fonte/G1

Comentários

Total de visualizações de página

Postagens mais visitadas