Pular para o conteúdo principal

NÚMERO DE PASSAGEIROS EM VOOS RECUA EM SETEMBRO PELA PRIMEIRA VEZ EM NOVE ANOS

A demanda doméstica de passageiros por transporte aéreo caiu em setembro pela primeira vez no mês em nove anos, informou nesta sexta-feira a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).
O indicador caiu 0,56% na comparação com setembro do ano passado, levando a uma queda de 0,07% no acumulado do ano.
Azul Linhas Aéreas e Avianca destacaram-se com as maiores taxas de crescimento de demanda doméstica, com alta de 34,72% e 33,49%, respectivamente.
A TAM teve redução em sua participação no mercado passando de 40,8% para 39,89%. Já a da Gol subiu de 33,57% para 35,45%, acrescentou a agência.
Do lado da oferta de assentos pelas companhias aéreas, houve queda 2,94% em setembro, também na comparação anual. No ano, a oferta tem queda de 4,37%.
Segundo a Anac, a taxa de aproveitamento das aeronaves em voos domésticos de passageiros (que calcula a relação entre demanda e oferta) atingiu o melhor nível para o mês de setembro desde o início da série, em 2000, e chegou a 77,42%.
No transporte aéreo internacional, a demanda de passageiros das empresas aéreas brasileiras cresceu 3,07% em setembro, quando comparada com o mesmo mês de 2012.
A oferta internacional registrou aumento de 5,08% no mesmo período.
"A demanda e oferta internacional das empresas brasileiras alcançaram o seu maior nível desde o início da série, em 2000, registrando crescimento há onze meses consecutivos", disse a Anac.
O Grupo TAM teve alta de 1,26% e a Gol registrou crescimento 18,99% na demanda por transporte aéreo internacional em setembro de 2013, quando comparada a setembro de 2012.
A taxa de aproveitamento naquele mês foi de 81,21%, um recuo anual de 1,92%, segundo a Anac.

fonte/Reuters/UOL

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA