Pular para o conteúdo principal

PRIMEIRO LEGACY 650 FABRICADO NA CHINA REALIZA VOO INAUGURAL



O primeiro jato executivo Legacy 650 fabricado na China concluiu com sucesso seu voo inaugural, segundo anunciou nesta segunda-feira a Harbin Embraer Aircraft, joint venture entre a Embraer e a AVIC (Aviation Industry Corporation of China). A entrega da primeira aeronave está programada para o final de 2013.

Segundo a assessoria de imprensa da Embraer, por cerca de duas horas e trinta minutos, os pilotos e engenheiros de ensaio da empresa realizaram testes para avaliar as características de desempenho, comandos de voo, comunicação e navegação, entre outros sistemas.
Ainda segundo a assessoria, desde fevereiro de 2012, quando a Embraer entregou o primeiro Legacy 650 para o mercado chinês, a empresa já recebeu 21 pedidos firmes e mais cinco opções para essa aeronave no país.

Joint Venture.
Em 2 de dezembro de 2002, a Embraer assinou um acordo de cooperação industrial com a Harbin Aircraft Industry Group., Ltd. (HAIG), subsidiária da China Aviation Industry Corporation II (AVIC II), para estabelecer a joint venture Harbin Embraer Aircraft Industry Co, Ltd. (HEAI), com o intuito de produzir o jato comercial ERJ 145, tornando-se a primeira instalação da Embraer no exterior destinada à montagem de jatos regionais. Em janeiro de 2003, a HEAI foi inaugurada.
Até abril de 2012, a HEAI entregou 41 aeronaves ERJ 145 às companhias aéreas da China.  Em 21 de junho do mesmo ano, a Embraer e a AVIC decidiram também produzir os jatos executivos Legacy 600/650 na China, utilizando a infraestrutura, os recursos financeiros e a força de trabalho da HEAI.
No mesmo dia, a empresa chinesa ICBC Financial Leasing firmou um acordo com a HEAI para 10 jatos Legacy 650, sendo cinco pedidos firmes e cinco opções, tornando-se assim o cliente-lançador do programa Legacy 600/650 da HEAI. A primeira aeronave começou a ser produzida em janeiro de 2013.

FONTE/FOTO/OVale

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AVIÃO COM O SENADOR AÉCIO NEVES FAZ POUSO DE EMERGÊNCIA NO AEROPORTO DE GUARULHOS

Imagem com a aeronave em que estaria Aécio, fora da pista, e que circula na internet
O avião em que estava o senador Aécio Neves (PSDB) precisou fazer um pouso de emergência no aeroporto internacional de Guarulhos na noite de quinta-feira (9), informou sua assessoria de imprensa.
Já era noite quando a aeronave, um táxi aéreo fretado pelo PSDB, saiu de Brasília com destino a São Paulo. Os pilotos, percebendo que um pedaço do pneu havia ficado na pista, teriam solicitado autorização para pousar em Cumbica, ao invés de Congonhas, por ter uma pista maior. Ao aterrissar, no entanto, o trem de pouso teria se quebrado, vindo o avião a sair da pista.
Apenas Aécio e a tripulação estavam a bordo. Segundo a assessoria, nem ele nem os pilotos se feriram.
O senador veio para São Paulo porque tem reunião agendada com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na manhã desta sexta (10). Apesar do incidente, o encontro foi mantido.
Fernanda Carvalho/O Tempo/Estadão Conteúdo
fonte/foto/UOL

Da…

VÍDEOS DO ACIDENTE COM BOEING 737 DA PERUVIAN AIRLINES EM JAUJA