terça-feira, 4 de junho de 2013

EMBRAER CONFIRMA INTERESSE NA COMPRA DA MANUTENÇÃO DA TAP (VEM)

A Embraer confirma que está interessada em comprar a operação de manutenção da TAP no Brasil. A notícia de que a fabricante brasileira estava interessada em adquirir a TAP Manutenção e Engenharia foi avançada hoje pelo Público e confirmada pelo Dinheiro Vivo junto do presidente executivo da companhia, Paulo Souza e Silva, à margem da assembleia geral da IATA, na Cidade do Cabo, África do Sul.
Questionado sobre o interesse na subsidiária da TAP, o CEO respondeu afirmativamente: “Sim temos interesse.” Dizendo-se satisfeito com as duas fábricas que a empresa construiu em Évora, onde a Embraer investiu 117 milhões e que fabricam peças para aviões militares, Paulo Souza e Silva vê o negócio como uma oportunidade. E mais não adiantou.

A operação de manutenção e engenharia da TAP tem sido a principal responsável pelos prejuízos do grupo, que somaram -42,2 milhões de euros no ano passado, apesar do número recorde de passageiros transportados (ultrapassou pela primeira vez os 10 milhões) e de o negócio da aviação até ter dado lucros. A VEM (comprada à Varig em 2005), porém, sempre deu prejuízos, apesar de ter vindo a atenuar essa tendência, com resultados negativos de 50,2 milhões de euros no ano passado (62,7 milhões em 2011).

Vender a operação de manutenção no Brasil poderia ter como contrapartida, para a Embraer, um reforço do investimento em Portugal. Por outro lado, para o governo português seria uma solução bem vinda, uma vez que terá sido este lado do negócio a desencorajar grupos como o IAG (British+Iberia) a avançar com uma proposta de compra da TAP na primeira tentativa de privatização.

O Governo garante que ainda está a estudar as alternativas possíveis para relançar a privatização e que vai esperar pelo mercado, para que haja mais candidatos, mas separar ativos é uma possibilidade que ganha cada vez mais força. Segundo o Expresso, aliás, o Estado português já terá mesmo estabelecido um prazo até ao final deste mês para a entrega de propostas não vinculativas para a compra da Manutenção e Engenharia. E garante que já teve manifestações de intenções de pelo menos seis companhias para comprar a VEM. Ate agora, a Embraer é a candidata mais provável.

fonte/DinheiroVivo

Nenhum comentário:

MÍSTERIO REVELADO - ANTOINE SAINT-EXUPÉRY...

Foi um segredo guardado durante 64 anos. Horst Rippert, piloto alemão da Luftwaffe, admitiu, aos 88 anos, ter abatido Antoine de St Exu...